E-commerce ganha espaço no mercado brasileiro

149

Quem nunca fez sua comprinha pela internet? Definido como transações comerciais feitas no ambiente virtual, o e-commerce consolida-se, cada vez mais, no mercado brasileiro. Um levantamento de uma empresa especializada em internet aponta que as cidades de São Paulo e Rio de Janeiro representam mais de 35,5% dos pedidos nacionais, e os setores mais procurados são eletroeletrônicos, acessórios automotivos, livros e materiais para construção. “A importância da plataforma digital para compra e venda é crescente e animadora para quem deseja entrar nesse segmento, já que as possibilidades de negócios são infinitas e podem ocorrer de qualquer lugar do mundo”, diz Bianca Franciscatto Bernardes, docente de Gestão e Negócios do Senac Jaboticabal.  Pela facilidade de acesso e, principalmente, pelos preços mais baixos, o e-commerce caiu no gosto popular e, consequentemente, atrai a atenção de empresários que buscam ampliar mercados. Apesar de acessível a diversos tipos de negócio, o empreendedor deve ter conhecimento sobre a atividade antes de abrir uma empresa digital. Para isso, a docente do Senac destaca os principais pontos que devem ser considerados ao idealizar um…

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui.