Jaboticabal deve ter censo de pessoas com deficiência

30

As pessoas que dependem de transporte coletivo em Jaboticabal tiveram que desembolsar mais dinheiro nas últimas semanas com o problema de ônibus de várias linhas que não circularam. Boa parte dos trabalhadores que usam este tipo de transporte teve que utilizar moto-táxi ou acionar algum familiar para pegar uma carona para o trabalho.
A Prefeitura de Jaboticabal notificou várias vezes a Viação Piracema de Transportes para cumprir o contrato e oferecer um bom transporte coletivo em Jaboticabal, no entanto as notificações não foram bem sucedidas. Diante disto, o prefeito José Carlos Hori decretou a intervenção nos serviços concedidos no transporte coletivo urbano, na sexta-feira que antecedeu o carnaval, dia 21. Na prática, a Prefeitura de Jaboticabal assume o serviço, operando toda a frota da Piracema.
“Nossas ações foram dentro da lei. Demos chance para a empresa cumprir o contrato e, como não aconteceu, estamos assumindo os ônibus, os motoristas e os funcionários da Piracema, em caráter de urgência, por até 180 dias. Enquanto isso, finalizamos a licitação até contratar uma nova frota”, explica Hori, dizendo que é um grande desafio. “Teremos dificuldade iniciais, mas com certeza será melhor para a população. Não dava mais para continuar como estava”. Segundo ele, todas as linhas voltam a circular pelos bairros de Jaboticabal. “Mais informações sobre o transporte coletivo serão divulgadas em breve”, encerrou o prefeito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui.