Palestras, simpósios, festas, aulas e eventos em geral são cancelados em Jaboticabal e em quase todo o Brasil

8

Do mesmo jeito que para combater a dengue é preciso não deixar água parada e evitar a proliferação do agente transmissor, no caso da pandemia de Covid-19, que assola todos os continentes, respondendo por milhares de mortes na China e Itália, principalmente, a única alternativa é reduzir a curva epidêmica, ou seja, evitar que a transmissão no Brasil se alastre e, para isto, o País está tendo que parar.
O Ministério da Saúde alerta sobre a necessidade de evitar contato próximo e o governo do Estado de São Paulo já baixou várias normas no sentido de conter a alta transmissibilidade deste vírus. Em Jaboticabal, o prefeito José Carlos Hori montou um comitê emergencial e liberou um decreto que, entre outros tópicos, proíbe a concessão de alvará para eventos.
Até na segunda-feira, de manhã, no entanto, os organizadores do Rodeio Show Jaboticabal estavam irredutíveis em cancelar o evento. Uma grande pressão feita por alguns vereadores e pelas redes sociais, no entanto, levou o prefeito a revogar o alvará que já havia sido concedido. O grande questionamento da população era porque as aulas haviam sido interrompidas e um evento de lazer poderia colocar as ações em risco. No fim da tarde da segunda, o prefeito divulgou não só a revogação do alvará, mas também decreto municipal que estabelece as normativas para a contingência do vírus no município.
A Secretaria Municipal de Educação cancelou as aulas e a entrega de uniformes, que seria feita em uma solenidade. “Pedimos a cooperação dos pais neste momento em que precisamos contribuir com as ações preventivas adotadas em várias cidades no mundo. As escolas ficarão abertas e os nossos funcionários podem orientar os familiares por telefone, mas é imprescindível que as crianças fiquem em casa”, disse o secretário Leonardo Yamazaki.
Segundo ele, desde o dia 16 deste mês, estão sendo realizadas atividades de orientação para os alunos, familiares e equipe pedagógica. “As aulas estão suspensas desde 19 de março de e o retorno deve acontecer no dia 3 de abril ou até nova determinação. Projetos esportivos, culturais, shows e rodeios estão suspensos. Biblioteca, Museu, Ginásio de Esportes e Escola de Arte serão fechados. Ficam suspensas as reuniões pedagógicas, administrativas e de atendimento ao público nas unidades escolares, que funcionarão apenas com expediente interno”, explicou.
Como medida de prevenção à propagação do novo coronavírus, a sessão solene marcada para ocorrer no dia 20, na Câmara Municipal de Jaboticabal, para a entrega de títulos de cidadania foi adiada. Uma nova data será marcada e divulgada posteriormente no site oficial do Legislativo jaboticabalense. A decisão integra o Ato da Mesa Diretora nº 31, de 17 de março de 2020, que suspende, entre outros, eventos coletivos como sessões solenes. As sessões ordinárias também estão canceladas e terão apenas a presença dos vereadores, bem como o atendimento ao público, que deverá ser feito apenas por telefone ou online.
O Comitê Unesp Covid-19 informou que as aulas presenciais estão suspensas de 17 de março a 17 de abril de 2020, mantendo-se excepcionalmente as atividades acadêmicas dos cursos das áreas de saúde que possam contribuir para a contenção da epidemia. As aulas com metodologia a distância estão mantidas.
Palestras, eventos beneficentes e encontros anunciados pelo O Combate também foram cancelados, bem como o Pint of Science Jaboticabal. O festival de divulgação científica, que acontece simultaneamente no mundo inteiro, foi adiado para os dias 8, 9 e 10 de setembro. “Essa nova pandemia é um assunto de saúde pública que deve ser encarado com seriedade. Prezamos pela saúde de todos e sugerimos que sigam as recomendações preventivas”, informou a coordenação do Pint of Science Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui.