Romaria participa de celebração em Aparecida do Norte

25

No último sábado, dia 11 de maio, uma romaria muito especial estava em Aparecida do Norte. Cerca de três mil pessoas da Diocese de Jaboticabal acompanharam a celebração presidida por Dom Eduardo Pinheiro da Silva, bispo diocesano, no Santuário Nacional de Aparecida, em Aparecida do Norte (SP).
De acordo com o pároco da Catedral de Nossa Senhora do Carmo, padre Ermínio Ignácio dos Reis, a ida dos fiéis a Aparecida do Norte teve um motivo importante. “Celebrando os 90 anos de criação e instalação da Diocese de Jaboticabal, foi realizada no último dia 11 de maio uma grande peregrinação ao Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida. Cerca de três mil fiéis, provindos das 43 paróquias que compõem a Diocese, se reuniram sob a presidência de Dom Eduardo, nosso bispo diocesano, para a celebração da Santa Missa, que foi transmitida ao vivo pela TV Aparecida. Um momento da Graça de Deus para nossa Diocese”, ressaltou padre Ermínio.
O pároco participou da celebração junto com boa parte dos religiosos da Diocese e elogiou a participação dos leigos. “Foi bela a manifestação do povo que, com o coração simples e alegre, louvou a Deus por esta grande dádiva: a nossa Diocese”, agradeceu, dizendo, ainda, que a Diocese de Jaboticabal tem um fato em comum com a história da devoção a Nossa Senhora Aparecida. “É desta cidade a menina cega que recebeu um milagre pela intercessão da Virgem de Aparecida. Em 1874, ela, que tinha nove anos na época, e a mãe, dona Gertrudes Vaz, resolveram fazer uma viagem até Aparecida para pedir a graça da recuperação da visão. Elas demoraram três meses para chegar até Aparecida, e quando chegaram próximas da igreja, a história recorda que a menina passou a ver claramente”, relembra.
Dom Eduardo, por sua vez, disse em sua homilia durante a missa: “Nós temos uma ligação muito grande com o Santuário porque nós temos, lá em Jaboticabal, o Santuário Nossa Senhora Aparecida, que nos remete ao milagre da menina cega; um dos milagres reconhecidos pela Igreja pela intercessão de Nossa Senhora Aparecida, que está manifestado de tantas maneiras na história deste Santuário. Por essa ligação afetiva, a gente se sente muito à vontade aqui, porque aqui é nossa casa”, comentou o bispo, completando que a seu ver a predileção à menina de Jaboticabal era sinal prefigurativo do carinho e da proteção de Maria com a Diocese.
“Consagrando a Diocese ao Amor Generoso de Nossa Senhora, Dom Eduardo abençoou os peregrinos, finalizado a celebração. Outros eventos comemorativos são propostos para o mês de julho. Acontecerá a bênção e envio da Imagem de Nossa Senhora do Carmo para todas as Paróquias da Diocese, bem como a grande celebração da Novena e Festa de Nossa Senhora do Carmo. Celebremos com alegria”, concluiu padre Ermínio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui.