Secretários deixam o cargo para concorrer às eleições municipais

20

Os secretários João Roberto da Silva (Saúde), Cláudio Almeida (Fazenda) e Leonardo Yamazaki (Educação) deixaram seus cargos no primeiro escalão da Prefeitura de Jaboticabal para concorrer às eleições municipais deste ano. João Roberto e Cláudio são pré-candidatos à chefia do Executivo, já Leonardo é pré-candidato a uma vaga na Câmara.
Com a mudança, a Secretaria de Saúde agora está sob responsabilidade do dentista Marcelo Costa César; a da Fazenda volta para Ângela Nazário Fonseca, funcionária pública que foi a primeira indicada pelo prefeito José Carlos Hori, quando começou seu mandato; já a pasta da Educação passa a ser ocupada novamente pelo bacharel em Direito Adilson Martins, que esteve à frente desta Secretaria quando o governo Hori começou.
A equipe de governo para a gestão 2017-2020 contava com os seguintes funcionários de carreira: André Nozaki (Saúde), Elivaine Almeida Silva (Seprem e Assistência Social), Ângela Nazário (Fazenda) e Leonardo Matsushita (Negócios Jurídicos). Dos secretários, naquele início de governo, quatro ocupariam duas pastas ao mesmo tempo: Paulo César Polachini (Planejamento e Indústria e Comércio), José Carlos Abreu (Obras e Agricultura), Elivaine Silva (Seprem e Assistência Social) e Wellington de Caiado Castro (Governo e Administração).
Um tempo depois, o prefeito anunciou mudanças nas Secretarias de Educação, Fazenda, Saúde e Administração e na autarquia Seprem. Cláudio Almeida, que foi secretário de Educação no segundo governo de Hori, voltou à cena como superintendente do Seprem, ocupando o lugar de Elivaine Almeida Silva, que passou para a pasta de Administração. Leonardo Yamazaki se tornou secretário de Educação. O antigo secretário de Educação, Adilson Martins, assumiu a Secretaria da Fazenda, pasta até então sob o comando da funcionária de carreira Ângela Nazário Fonseca, que passou a ser chefe de Gabinete da Fazenda.
Maria Angélica Dias, que ocupou o lugar de Nozaki na Saúde quando ele foi para a Presidência do Saaej, saiu para dar lugar a João Roberto da Silva. José Sylvio Vantini Júnior assumiu a Secretaria de Indústria e Comércio; Tatiana Pellegrini, a de Desenvolvimento e Assistência Social; e Aldo Bellodi Neto passou a ser secretário municipal de Agricultura, depois de André Nozaki também ter ocupado este cargo e, posterioemente, ter pedido sua exoneração.
Atualmente, Alessandro Martinho Churata é o secretário de Obras e Serviços Públicos; Henrique Zanon Aiello é secretário de Negócios Jurídicos; Josué dos Santos está na Secretaria de Administração; Aldo Bellodi Neto continua na Secretaria de Agricultura; e o mesmo acontece com Tatiana Pellegrini, na Assistência e Desenvolvimento Social; Elivaine Almeida, no Seprem; Wellington de Caiado Castro, na Secretaria de Governo; José Sylvio Vantini Júnior, na Indústria e Comércio. Paulo César Polachini permanece secretário de Planejamento; José Carlos Abreu é presidente do Saaej; e Cláudio Correa, presidente da Emurja. Wellington Caiado, Cláudio Correa e Paulo Polachini foram os únicos que permaneceram nas mesmas pastas do início do mandato até agora.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui.