Jaboticabal é oficialmente a Capital Estadual do Amendoim

202

Na última sexta-feira, dia 12, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) sancionou o Projeto de Lei 703, de 2017, do deputado estadual Marcos Vinholi (PSDB), que havia sido aprovado em dezembro de 2017 na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp). O projeto consagra Jaboticabal como Capital do Amendoim do Estado de São Paulo. A notícia agradou não só o poder público e a Coplana, cooperativa que responde por maior parte da produção de São Paulo, mas também recebeu o aplauso de cada produtor e da comunidade como um todo, que se orgulha de ver sua cidade projetada no Estado.
A notícia de que Jaboticabal se tornaria capital estadual do amendoim já havia sido divulgada no 7o Encontro dos Produtores do Amendoim, promovido pela Coplana, em setembro de 2017. O título foi anunciado pelo presidente da cooperativa, José Antonio de Souza Rossato Junior, que esteve na última sexta no Palácio dos Bandeirantes acompanhado da superintende da cooperativa, Mirela Gradim.
O prefeito de Jaboticabal, José Carlos Hori (PPS), compareceu à cerimônia que oficializou o título. “Ficou claro o esforço que a Coplana, a Prefeitura, a Câmara e deputados estão fazendo para transformar Jaboticabal na Capital do Amendoim. Com este tipo de conquista, a partir deste ano poderemos avançar ainda mais neste setor e valorizar a nossa região, buscando o título de capital nacional”, apontou Hori.
“A Coplana capitaneou a solicitação junto ao prefeito de Jaboticabal, dada a importância do produtor rural e de toda agroindústria do amendoim em nosso município. O Brasil produziu 466 mil toneladas de amendoim em 2017, segundo a Conab, sendo que Jaboticabal processou mais de 120 mil toneladas. O significado deste projeto para a cooperativa é singular: reconhecer e valorizar o trabalho perseverante do nosso produtor rural, equipe, fornecedores e parceiros, e, acima de tudo, ter o reconhecimento da sociedade de Jaboticabal acerca do negócio amendoim”, ressaltou Rossato.
Agora, a pauta segue para Brasília, para o reconhecimento do município como Capital Nacional do Amendoim, algo coerente com o trabalho já exercido no Estado de São Paulo, que responde por 90% da produção de todo o país.
O Brasil é o 13o produtor de amendoim do mundo, o 5o em exportação, e 90% da produção nacional está em São Paulo. Deste volume, um quinto passa por Jaboticabal, sendo produzido ou beneficiado aqui. De cada quatro toneladas que o Brasil exporta, uma tonelada sai de Jaboticabal. A superintendente da Coplana, Mirela Gradim, avalia a conquista. “Este título é mais que merecido para Jaboticabal e nos dá muito orgulho. Entre outras coisas, a Cooperativa é responsável pelo beneficiamento da produção, assim como a comercialização, atendendo clientes como Nestlé, Mondelez e a Comunidade Europeia, o mercado mais exigente do mundo”, encerra Mirela.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui.